search
Placeholder

Tipos Desligamento

Desligamento Programado

Você sabia que a Neoenergia algumas vezes precisa interromper temporariamente o fornecimento de energia para realizar melhorias e manutenção na rede elétrica?

O aviso de que esse desligamento irá acontecer é feito com antecedência por meio de jornais, e-mail, comunicados impressos e aqui no site. Por isso, deixe seu cadastro de e-mail e telefone sempre atualizados para que você seja informado nessas situações. 

É importante ressaltar que, em situações alheias ao nosso controle, como condições climáticas severas, ocorrência de raios, colisões de veículos com postes da rede elétrica, furtos de cabos ou atos de vandalismo, não é possível realizar o aviso antecipado. Trata-se de um tipo de desligamento impossível de ser previsto.

Clique aqui para conferir as datas e horários dos desligamentos e programe-se! 

Desligamento Definitivo da Unidade Consumidora 

O desligamento definitivo da unidade é o pedido de encerramento do fornecimento de energia elétrica da sua casa ou estabelecimento. Isso deve ser feito se você se mudou, vendeu ou alugou o local. Também pode ser solicitado se você vai demolir o imóvel ou não pretende mais usar a energia. É importante que você solicite o desligamento definitivo ou faça a troca de titularidade para que não sejam gerados débitos em seu nome.

Conheça os canais de atendimento onde você pode solicitar o desligamento definitivo de sua unidade consumidora:

Teleatendimento - 116 (ligação gratuita); 
Lojas de Atendimento;
Atendimento Na Hora.
Após solicitar o desligamento definitivo, faremos a leitura do medidor e emitiremos a sua fatura final. O valor dessa conta será referente ao consumo desde a leitura anterior até o dia do desligamento. Lembre-se desse pagamento, pois mesmo após o desligamento, se a fatura ficar em aberto em seu nome, pode resultar em ações de cobrança e restrição de crédito.

Documentação necessária

  • CPF válido (não esteja nulo e/ou cancelado);
  • Carteira de identidade ou, na ausência desta, outro documento oficial de identificação com foto: Carteira de Identidade Profissional, Carteira de Trabalho - CTPS, Carteira Nacional de Habilitação de Trânsito (válido), Passaporte (válido);
  • Para os casos de indígena, apresentar: Registro Administrativo de Nascimento Indígena – RANI.

  • Estatuto ou contrato social da empresa;
  • Contrato de Sucessão Comercial se for o caso;
  • CNPJ da empresa (válido);
  • Ata ou outro documento de designação do representante legal;
  • Documentação do Representante Legal;
  • CPF válido (não esteja nulo e/ou cancelado);
  • Carteira de identidade ou, na ausência desta, outro documento oficial de identificação com foto: Carteira de Identidade Profissional, *Carteira de Trabalho - CTPS, Carteira Nacional de Habilitação de Trânsito (válido), Passaporte (válido); 
  • Para os casos de indígena, apresentar: Registro Administrativo de Nascimento Indígena – RANI