22/08/2022

Neoenergia esclarece mitos e verdades sobre energia solar em residências

    energia solar; residencial


  • Sim
  • Sim
  • Sim

​​clip-art de casa com paineis solares fotovoltaicos, árvores e prédios ao fundo

Quando dizemos que a energia solar é produzida por uma fonte renovável, estamos nos referindo a um sistema de geração de energia limpa, sustentável e de qualidade. As vantagens são muitas, mas ainda é preciso esclarecer alguns pontos relacionados ao uso dos módulos fotovoltaicos. Por isso, a Neoenergia orienta sobre os mitos e verdades que envolvem o uso dessa tecnologia em residências.

Além do benefício ambiental, o investimento em geração própria de energia solar representa uma redução nos gastos com a conta de luz. Outra vantagem é que o mercado oferece linhas de financiamento, específicas e atrativas, para que os consumidores adquiram os sistemas solares", afirma Hugo Nunes, diretor de Negócios Liberalizados​ da Neoenergia.

Para os consumidores interessados em saber um pouco mais sobre esse tipo de geração de energia em casa, a Neoenergia tem as explicações:

É um investimento rentável: O crescente número de instalações nos últimos anos, no Brasil, se deve, principalmente, pelo avanço da tecnologia e pelos altos níveis de irradiação do país. É verdade que os sistemas solares podem economizar até 95% dos custos de energia e, em alguns casos, permitem um retorno do investimento de até quatro anos.

Custa o mesmo que a conta de luz: É verdade que uma das facilidades ao adquirir os painéis solares é o acesso a diferentes linhas de financiamento que, dependendo do consumo da residência, resultam em valor da parcela mensal do financiamento em valor equivalente ao próprio custo atual de energia, ou seja, sua despesa não aumenta no final do mês e ainda se tem geração própria solar em casa que a partir do quarto ou quinto anos passam a ser ganho líquido do cliente.

Um sistema solar, menor custo de energia em mais de um local: Os sistemas solares em geração distribuída fazem parte do sistema de compensação de crédito. É verdade, portanto, que a energia gerada e não utilizada naquele mês poderá ser usada em outros meses ou enviada para abater o consumo de outro local, desde que a unidade consumidora esteja no mesmo CPF/CNPJ e na mesma área de concessão.

Dias de chuva, painéis sem energia: É mito que em dias nublados ou com chuva os sistemas fotovoltaicos não podem produzir energia elétrica. Ainda nessas condições, os sistemas são capazes de gerar energia e créditos para o consumo da residência.

Painel sem energia é casa sem luz: Mesmo com os sistemas solares, a residência continua conectada à rede de distribuição. A energia gerada faz parte de um sistema de compensação de créditos previsto por lei e, se não for completamente utilizada em casa, o excedente é convertido em créditos e pode ser aproveitado em dias que não houver geração ou que a produção for mais baixa. 

Custo de energia mensal zero com o sistema solar: É possível um sistema que atenda a 100% do consumo do cliente, mas é mito que ele não tenha custo. O cliente arca com os custos de disponibilidade e de iluminação pública, repassado às prefeituras e, dependendo da lei do estado, também assume o ICMS de parte da tarifa, destinado ao governo local.

Longa vida útil de painéis fotovoltaicos: É verdade que os sistemas solares residenciais possuem vida útil longa garantida pelos fabricantes de painéis fotovoltaicos; podem atingir entre 25 e 30 anos, são seguros e com baixa necessidade de manutenção.

Manutenção simples: Por serem sistemas fixos, é verdade que os sistemas fotovoltaicos possuem baixa necessidade de manutenção. É necessário apenas realizar a limpeza dos painéis e inspeções de acordo com as orientações da empresa responsável pela instalação

A garantia do sistema solar fotovoltaico é de 1 ano para o projeto e instalação. Os inversores, de 5 anos. Já os módulos fotovoltaicos têm garantia de 10 anos contra defeitos de fabricação e 25 anos de performance de geração.

A energia solar é, ainda, uma forma de contribuir para a preservação do meio ambiente. Essa é uma fonte limpa e renovável, que não emite gases do efeito estufa no processo de geração e, portanto, é uma aliada no combate às mudanças climáticas.


 



Informações Relacionadas