13/07/2022

Neoenergia investe em tecnologias para modernizar e aprimorar rede elétrica



  • Sim
  • Sim
  • Sim

​​​​​

Investir em infraestrutura e tecnologia do setor elétrico é um dos pilares da Neoenergia para assegurar a qualidade dos serviços aos mais de 15 milhões de clientes em todo o Brasil. No Distrito Federal e em Pernambuco, a Neoenergia Brasília e a Neoenergia Pernambuco, respectivamente, trabalham com o Big Jumper, equipamento que reduz em até 80% a necessidade de desligamentos de energia durante a execução de manutenção e melhoria na rede elétrica. As distribuidoras têm usado a inovação para manter o fornecimento de energia a consumidores de regiões afetadas pela execução de obras pontuais que exigem o desligamento da rede.

“O Big Jumper faz parte de uma série de ações inovadoras em desenvolvimento pela Neoenergia Pernambuco para reduzir a quantidade e a duração das interrupções no fornecimento de energia elétrica no Estado. Nos últimos anos, temos alcançado uma evolução expressiva nesses dois indicadores, chegando aos melhores índices de qualidade da história da empresa", afirmou o presidente da Neoenergia Pernambuco, Saulo Cabral.

“O Big Jumper funciona como uma rede elétrica alternativa temporária que permite manter os clientes com energia enquanto os serviços de manutenção e melhoria são realizados na rede elétrica principal, minimizando desta forma o desligamento dos clientes", explica Antônio Carlos Queiroz, diretor-superintendente Técnico da Neoenergia Brasília. “Assim, nossas equipes podem trabalhar com segurança em melhorias e modernização da infraestrutura elétrica do Distrito Federal", completa.

Outra tecnologia de ponta que será utilizada pela Neoenergia em Brasília, importada dos Estados Unidos, são os chamados relés, dispositivos eletrônicos inteligentes que protegem as redes subterrâneas em que estão inseridos. Os equipamentos atuam de forma eficiente e com comando remoto para isolar um defeito e evitar a falta de energia, além de agregar confiabilidade e atualização tecnológica dos protetores de rede.

A Neoenergia Brasília e a Neoenergia Pernambuco investem também em ações para proporcionar inteligência à rede elétrica. Nos cinco primeiros meses de 2022, a distribuidora do Distrito Federal instalou 189 religadores e, no ano passado, foram 379. Em Pernambuco, 223 equipamentos foram instalados no primeiro semestre deste ano e, em 2021, foram 314 instalações. Os religadores são automatizados e aumentam a robustez da rede elétrica.

Além disso, de janeiro a maio, a Neoenergia Brasília implantou 55 esquemas de self-healing​ – uma inovação tecnológica inteligente capaz de isolar um defeito e restabelecer, automaticamente em segundos, o fornecimento de energia aos clientes desligados. A ação beneficiou mais de 3,3 milhões de pessoas, reduzindo a quantidade de clientes impactados em eventuais situações de falta de energia, como queda de galhos de árvores sobre a rede, e diminuindo o tempo de recomposição do fornecimento da energia. Já a Neoenergia Pernambuco realizou a implantação de 68 esquemas de self-healing, impactando positivamente 150 mil clientes.

O sistema identifica o ponto em que aconteceu a falha e realiza, de forma autônoma, manobras isolando o trecho danificado. Em até 60 segundos, o defeito pode ser isolado e o serviço é restabelecido para o maior número de clientes, sem necessidade de intervenção humana. No primeiro ano de atuação da Neoenergia Brasília na capital federal, foram configurados 83 esquemas de self-healing.


 



Informações Relacionadas