26/11/2020

Neoenergia leva inclusão e desenvolvimento com o projeto Luz para Todos na Bahia

    compromissosocial
  • Sim
  • Sim
  • Sim

O acesso à energia elétrica é um direito social fundamental de todo cidadão. A Neoenergia é uma empresa que cumpre com o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) número 7 da Organização das Nações Unidas (ONU), o de estabelecer energia acessível para todos. Nesse sentido, a empresa contribui significativamente através do programa ‘Luz para Todos’, realizado pelas distribuidoras em parceria com o Governo Federal de forma a assegurar a universalização da energia na área rural. As obras se estendem por 415 cidades baianas e a meta é universalizar todo o estado até 2021.


De 2004, quando o programa foi criado, até setembro de 2020, a Coelba – concessionária da Neoenergia na Bahia – já realizou mais de 664 mil conexões e beneficiou 2,4 milhões de pessoas, levando qualidade de vida e crescimento econômico para os locais mais distantes do estado. Os demais números do projeto também impressionam. Nesse período, foram 1,7 milhão de postes instalados, 128 mil transformadores e 101 subestações. Quando se trata de rede primária – aquela que transporta a energia de alta tensão das subestações até os transformadores nos postes – chega-se a 100,3 mil km de linhas construídas. Já a rede secundária, responsável por levar a energia de menor voltagem até às casas, contabiliza 30 mil km de linhas.

 
“O principal resultado que vemos com o programa é a transformação social ocasionada nesses municípios. A população passa a ter acesso a itens básicos, como armazenar comida na geladeira, a economia da região se fortalece, além do estabelecimento de comércios e novas fontes de renda, afirma a supervisora da Unidade de Gestão do Luz Para Todos na Neoenergia, Mayline Pinto.

 
Voltado para a população rural, o Luz Para Todos busca assegurar que a instalação da eletricidade no campo resulte no fortalecimento da produção rural, já que contribui para a permanência do produtor na região. Além disso, com a chegada da energia elétrica na área rural, é comum observar o retorno de algumas famílias que anteriormente haviam migrado para outras regiões.  


Os benefícios diretos são o aumento de renda e a inclusão social da população beneficiada. “É possível acompanhar os impactos que a implantação da eletricidade tem na vida das famílias, observando como a comunidade se comporta economicamente após ter acesso a energia elétrica”, reforça a supervisora.  

PRINCIPAIS BENEFÍCIOS GERADOS

 
Inclusão digital e utilização de equipamentos eletrodomésticos básicos, como geladeira, televisão e celular, são alguns dos itens que as comunidades passam a ter acesso com a chegada da energia elétrica em suas residências. Os itens representam uma grande mudança no dia a dia dessas pessoas beneficiadas.  

As melhores condições também são refletidas no campo da educação. Quando a escola recebe energia elétrica, os professores podem inovar com a utilização de recursos tecnológicos e a instituição de ensino passa a ofertar refeição para os alunos, algo que antes não era possível sem as condições para o devido armazenamento da merenda. Os resultados são vistos através do desenvolvimento social e econômico das comunidades, beneficiando as atuais e futuras gerações em prol da qualidade de vida. 

Quero:

Informações Relacionadas