19/04/2021

Neoenergia conclui instalação do novo transformador reserva da Termope

    investimentos


  • Sim
  • Sim
  • Sim

                

Operação teve duração de aproximadamente dois anos, desde a fabricação até a chegada do equipamento à usina 

​Para garantir ainda mais confiabilidade e disponibilidade na operação da Usina Termopernambuco (Termope), a Neoenergia adquiriu um transformador reserva, que apoiará no caso de falha de um dos três equipamentos principais existentes no local. O planejamento teve início em 2018 e envolveu avaliação, acompanhamento, logística complexa e construção das instalações para receber o produto. 

Com o prazo de fabricação de um ano, o aparelho foi entregue em setembro de 2019. Foram diversos desafios até a chegada do equipamento, que percorreu mais 3.600 km de transporte terrestre, de Blumenau, em Santa Catarina, de onde saiu, até Ipojuca, em Pernambuco, na Termope. 

Além da obra de implantação, o projeto da usina, que tem capacidade para suprir a necessidade energética de 25% de Pernambuco, contou com a construção de um espaço em sua volta para proteção do transformador contra deterioração. 

“Tomamos a decisão de fazer este investimento justamente para ter esta reserva e a possibilidade de substituição de um transformador deste porte de forma rápida, sem oferecer impacto para a nossa operação, trazendo maior confiabilidade e segurança para do Sistema Elétrico do Nordeste”, reforça Emerson Barros, Gestor de Manutenção da UTE da Neoenergia. 

O novo transformador, fabricado pela Weg no Brasil, tem potência de 290MVA e aproximadamente 250 toneladas. O plano contou com as fases de construção da base civil e montagem da cobertura para proteção do dispositivo, instalação e testes finais. 

“Todo esse processo só foi possível graças a um planejamento minucioso de todas etapas e coordenação de diversas equipes. Uma aquisição desta magnitude envolve uma série de fatores que foram contemplados em cada fase até a chegada na Termope”, conta Jon Elquezabal, gerente do projeto da Neoenergia. ​




Quero:

Informações Relacionadas