15/08/2022

Neoenergia anuncia contratação de profissionais em Brasília formados pela Escola de Eletricistas

    escola de eletricistas


  • Sim
  • Sim
  • Sim


Depois de frequentar as aulas da Escola de Eletricistas, 25 profissionais saíram do curso profissionalizante com diploma e emprego novo. O grupo, formado por 22 mulheres e três homens, será contratado em setembro pela Neoenergia Brasília, distribuidora da Neoenergia que atende cerca de 1,1 milhão de clientes no Distrito Federal. A comemoração aconteceu durante a formatura das duas turmas nesta segunda-feira (15/8) que contou com a presença do CEO da Neoenergia, Eduardo Capelastegui, e do diretor-presidente da Neoenergia Brasília, Frederico Candian.

Ao todo, a Escola de Eletricistas já formou no Distrito Federal 128 profissionais para o mercado de trabalho, sendo que 63 alunos foram contratados para atuar na distribuidora. Além de fomentar a geração de emprego e renda, a iniciativa oferece a oportunidade de uma nova profissão para mulheres, contribuindo, principalmente, para a equidade de gênero em carreiras majoritariamente masculinas. Até o fim do ano, mais 225 futuros eletricistas terão a oportunidade de se capacitar por meio de nove turmas. As aulas são ministradas em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), na cidade de Taguatinga, no Distrito Federal.

“É inspirador poder acompanhar de perto o impacto positivo dessa iniciativa, que tem o objetivo de capacitar profissionais para atuarem na área", explica Eduardo Capelastegui. “Temos o compromisso de aumentar a participação de mulheres no setor elétrico e nas nossas distribuidoras. Acreditamos que podemos estimular a força feminina no mercado profissional, oferecendo qualificação completa e boas oportunidades", completa.

A Escola de Eletricistas oferece capacitação profissional gratuita, e pessoas com idade acima de 18 anos, ensino médio completo e Carteira Nacional de Habilitação (CNH) podem se inscrever. Os cursos têm ênfase em redes de distribuição de energia elétrica e as aulas são divididas em duas etapas, começando pela parte teórica, em formato remoto, e finalizando com as aulas práticas presenciais, em campos de postes, seguindo os protocolos de saúde e segurança.

“A Neoenergia Brasília acredita que um importante papel social da companhia é fortalecer o mercado de trabalho da cidade, promovendo a equidade de gênero e a ampliação da força de trabalho feminino", afirma Frederico Candian. “Esses profissionais estão sendo formados com treinamentos específicos para desenvolver atividades na nossa rede de distribuição. Com isso, reforçamos nossa equipe especializada para garantirmos uma prestação do serviço de qualidade à população do Distrito Federal", afirma o executivo.

Sobre a Escola de Eletricistas

O projeto é realizado pelas distribuidoras da Neoenergia desde 2019 e já capacitou mais de 4 mil alunos nos estados da Bahia, de Pernambuco, do Rio Grande do Norte, de São Paulo e do Distrito Federal. Desse total, mais de 3 mil profissionais foram contratados pelas empresas da Neoenergia. A iniciativa foi pioneira ao criar turmas para mulheres, a fim de promover a diversidade e a inclusão, e é reconhecida como exemplo global de um dos Princípios de Empoderamento das Mulheres pelo WeEmpower​, programa da ONU Mulheres junto à Organização Internacional do Trabalho (OIT) e à União Europeia, para estimular boas práticas das empresas.



Informações Relacionadas