02/09/2020

Termopernambuco realiza parada anual de manutenção em tempo recorde

    segurança
  • Sim
  • Sim
  • Sim


A Termopernambuco (Termope), Usina Termoelétrica (UTE) controlada integralmente pela Neoenergia, possui a capacidade instalada de 533 MW, por meio de duas turbinas a gás e uma turbina a vapor formando assim um ciclo combinado de geração térmica.

No ano de 2020 estava programada manutenção denominada por Hot Gas Path, que ocorre a cada 32.000 horas de operação da Turbina a gás, onde se faz necessária a substituição das suas denominadas partes quentes. É um processo que demanda muito planejamento em função da complexidade da manutenção e da logística requerida para viabilizar todos os recursos necessários. Tal processo requer a necessidade de mais de 80 pessoas diretamente ligadas a substituição das “peças quentes”, podendo ser denominada como um grande desafio sob a ótica de engenharia.

Esta manutenção, que inicialmente estava prevista para o período de 18/04 a 13/05, teve de ser reprogramada em decorrência da pandemia Covid-19, sendo postergada para o período de 13/06 a 08/07. Fazer a parada no meio de uma pandemia, algo jamais imaginado, adicionou diversos desafios a um processo de engenharia que, por si só, já é um grande desafio. Para isso acontecer, foram mais de 35 empresas e mais de 400 colaboradores trabalhando em turnos de revezamento durante 24 horas, por uma semana. A parada ainda contou com mais de 20 profissionais de Saúde e Segurança que trabalharam em turnos de revezamento durante todo o período.  

De maneira a realizar a manutenção eliminando os riscos trazidos pela pandemia, foram realizadas mais de 200 ações contra a contaminação pelo coronavírus. Como resultado: não foram registrados casos suspeitos de Covid-19 durante todo o processo da parada, que foi concluída seis dias antes do previsto e com acidente zero.

A ferramenta Teams, disponibilizada para todos os colaboradores da Neoenergia, foi fundamental na gestão das reuniões de acompanhamento e nos processos de integração junto aos fornecedores, já que tudo foi realizado de forma remota. Mesmo com todos as adversidades, a parada foi um sucesso, com o alcance de mais de 96% do escopo planejado e mais de 1.800 atividades concluídas.

Além de tudo isso, essa foi a primeira vez que a manutenção da turbina a gás foi realizada com 100% de mão de obra brasileira. Por conta da pandemia, as fronteiras de diversos países foram fechadas, impossibilitando viagens internacionais e nos impulsionando a contratar fornecedores nacionais. Os desafios logísticos de materiais e de mobilização de serviços foram grandes, mas totalmente superados através do esforço das nossas equipes de trabalho e por conta de uma gestão eficaz, transformando a parada programada 2020 da Termope em um case de sucesso.

Quero:

Informações Relacionadas