02/06/2019

​Iberdrola lança o programa Start-up Challenge para mudança climática

    mudança climática; inovação
  • Sim
  • Sim
  • Sim

​​​​​​​​​

A Iberdrola​, um dos maiores grupos de energia do mundo, criou o programa Startup Challenge, que tem a finalidade de encontrar e apoiar ideias inovadoras que abordem ameaças ao setor energético global. A primeira de uma série de competições consistirá em pedir aos inovadores e à comunidade de startups do Brasil que apresentem ideias que ajudem a combater o impacto das mudanças climáticas e os fenômenos meteorológicos na rede elétrica. Os interessados podem se inscrever até 30 de junho, por meio do site da Iberdrola​, no banner Startup Challenge.

Os aumentos da temperatura e a maior frequência de eventos climáticos extremos são um grande desafio para as operadoras de redes de eletricidade em todo o mundo. Ventos com força de tempestade, elevação dos níveis da água, calor extremo, gelo e neve podem causar grandes danos e interrupções.

A Iberdrola está interessada em conhecer ideias que possam auxiliar na prevenção de problemas ou na recuperação da rede após uma tempestade. 

Para prevenção, as áreas que poderiam ser exploradas incluem planejamento, operação, manutenção e engenharia para monitorar e gerenciar melhor os ativos de eletricidade antes que eles sejam danificados. Para melhorar a recuperação do serviço, as ideias podem incluir soluções que minimizem o impacto nas residências e empresas quando o dano tiver sido causado.

"A mudança climática representa muitos riscos para a sociedade, e os eventos climáticos mais frequentes e mais intensos são um verdadeiro desafio para as operadoras de redes de eletricidade. Até mesmo os equipamentos concebidos e projetados com as mais altas especificações podem ser completamente destruídos pelas tempestades mais violentas. Empresas como a Iberdrola estão sempre inovando e aperfeiçoando processos, e nós também monitoramos e avaliamos metodologicamente tecnologias emergentes. Entretanto, temos certeza de que existem conceitos que estão sendo desenvolvidos em laboratórios e nas academias que podem acabar sendo agentes de mudanças globais”, afirmou Armando Martinez, Diretor do Negócio de Redes do Grupo Iberdrola.

O projeto vencedor terá a oportunidade de executar um piloto, combinando as habilidades da empresa selecionada com os recursos e conhecimento de mercado da Iberdrola.

Caso o projeto piloto seja um sucesso, a Iberdrola irá incluí-lo entre suas ferramentas de manutenção, e a empresa vencedora terá a oportunidade de se tornar um fornecedor. A Iberdrola, através do seu programa PERSEO StartUp, também estaria aberta a discutir a possibilidade de fazer um investimento na empresa vencedora.

"Uma ótima ideia no papel pode se tornar uma parte essencial das operações diárias do negócio rapidamente com o suporte e a orientação corretos. Ajudaremos a levar as ideias de sucesso para um estágio piloto e, em seguida, em direção a um contrato de fornecedor completo. Em última análise, um conceito que melhora nossos processos pode acabar sendo procurado por empresas de redes de eletricidade de todo o mundo”, comenta Agustin Delgado, diretor de Inovação e Sustentabilidade da Iberdrola.



Quero:

Informações Relacionadas